COMPOSIÇÃO FOTOGRÁFICA: COMO TRANSITAR ENTRE A SIMPLICIDADE E A EMOÇÃO

Hoje vamos falar sobre várias técnicas e conceitos para boas práticas em fotografia, conteúdo essencial na composição de boas fotos. 

Além de prática e aquele feeling, existem alguns pontos a serem seguidos que transformam o resultado final, independente da máquina ou até mesmo do celular devemos observar os objetos e suas relações com o contexto fotográfico.

Use reflexos como estrutura de personagens

Quando começamos a observar um ambiente à procura de uma oportunidade, precisamos abstrair o óbvio para capturar os detalhes.

O reflexo é um detalhe que muitas vezes passa despercebido ao olhar desatento. Observe os reflexos e a disposição fotográfica que ele proporciona na condição da imagem. 

A água em si pode gerar grandes oportunidades, não deixe de desfrutar deste benefício.

Trabalhe o espaço em torno do objeto principal

Procure enquadrar o objeto ou personagem principal corretamente. Trabalhar a área de composição de forma que o ambiente não afete a história ou o conceito é de extrema importância. Esse espaço pode ser modificado de acordo com o objetivo capturado, o fundamental é achar o equilíbrio entre personagem e cenário.

Trabalhe a ambientação ao seu favor

Às vezes estamos diante de uma paisagem ou cenário de grandes proporções, essas situações podem causar algum desconforto no enquadramento. Não aconselhamos tirar várias fotos e tentar manipular a edição. 

O ideal é trabalhar a partir de um detalhe que destaque e mostre toda a proporção, por muitas vezes queremos capturar o macro, sendo que a percepção do micro já informa a sua totalidade. Lembre-se: detalhes únicos fazem total diferença.

Foco no direcionamento do olhar

Imagens naturais são mais fluidas, principalmente em retratos. Manter a naturalidade transparece a verdade do momento. Nós nos comunicamos por nossas feições e principalmente através dos olhos, e essa é a linha padrão de conexão.

Por isso é extremamente importante trabalhar o ângulo e a altura do personagem, pensando sempre no sentimento que quer passar.

Busque por padrões

Os padrões estão por toda parte, e na fotografia não poderia ser diferente, basta ter a percepção para identificá-los.

Pode ser algo pequeno como uma textura que se repete por toda a extensão da foto, ou até mesmo o acabamento em uma parede, esses elementos não podem ser ignorados.

Use a perspectiva em linha

As linhas na fotografia guiam os olhos do espectador. Ao usá-las de forma correta, podemos criar resultados fantásticos. O foco é desenvolver um caminho a se seguir ou uma divisão em sua totalidade. Mas pense que essas linhas não devem ser tão rígidas como na geometria, sempre trabalhamos com elementos irregulares na composição fotográfica. 

Trabalhe o espaço positivo e negativo

O espaço positivo é o local da imagem que envolve a atenção, que traz peso visual considerável ou alto nível de textura. Já o espaço negativo é o preenchimento entre as regiões, geralmente o segundo plano, atraindo menos atenção.

Fotos com grande espaço positivo parecem cheias, enquanto fotos com grande quantidade de espaço negativo parecem vazias. Em nenhuma circunstância esses resultados parecem ser agradáveis, mas o equilíbrio entre as partes pode formar composições extraordinárias. 

Conclusão

Ainda que exista mais elementos a se citar, estes se apresentam com maior necessidade de percepção, por isso vale a pena estudar as particularidades e praticar enquanto trabalha em suas fotos. Quer imprimir com a Rona? Nosso time de consultores está pronto para entender o que você precisa e contribuir para tornar seu projeto realidade. Clique aqui e entre em contato agora mesmo.

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on google
Share on pinterest
Share on whatsapp
Share on email

FALE CONOSCO: (31) 3303-9999 • RONA@RONAEDITORA.COM.BR

RUA HENRIQUETO CARDINALE, 280 OLHOS D'ÁGUA
BELO HORIZONTE - MINAS GERAIS 30390-082

×

Carrinho