TIPOGRAFIA: A FONTE CERTA PARA O SEU MATERIAL GRÁFICO

Tipografia é o nome dado ao estudo, criação e aplicação dos caracteres e tem extrema importância na produção gráfica. Materiais como panfletos, catálogos, cartazes, embalagens e convites têm parte do seu conceito formado por estilos, formatos e disposição visual das palavras. 

Hoje em dia, a tipografia é uma grande ferramenta do design gráfico, produção gráfica e desenvolvimento web, e ela representa um papel fundamental na construção da identidade visual das marcas. 

O uso correto da tipografia nas peças gráficas pode exprimir conceitos e sentimentos, além de agregar valores da empresa e trazer a percepção apropriada ao público.

Conheça os tipos de fonte para impactar de forma fundamentada o seu produto ou serviço.

Há uma abundância de fontes e seria inviável listarmos todas aqui. Para facilitar, vamos enfatizar 5 categorias básicas, mas muito importantes para o entendimento do assunto, que contribuem para a escolha da fonte ideal para o projeto.

Fontes Serifadas: este estilo de fonte tem pequenos traços e prolongamentos no final das suas letras, representam conceitos mais tradicionais e de seriedade.

As fontes serifadas são muito utilizadas para textos longos, como jornais e revistas. Isso porque ela é mais confortável aos olhos dos leitores.

Fontes Sem Serifa: ao contrário das fontes serifadas, elas não possuem as linhas extras prolongadas ao final das letras. Por possuírem essa característica, são consideradas mais modernas e dinâmicas, oferecem leveza ao conteúdo, tornando-se adequadas para títulos e anúncios.

Fontes Cursivas: neste caso, são fontes que englobam os estilos da família manuscrita e caligráfica, que permeiam o requinte, o pessoal e o exclusivo.

Em relação ao seu uso, as cursivas são mais aplicadas em convites e em outros materiais ou projetos que carregam em si um tom de elegância e personalidade. Elas são usadas em textos mais curtos, geralmente.

Decorativas: são aquelas usadas com o intuito de chamar a atenção. São mais inusitadas do que práticas e devem ser usadas com moderação, para efeitos e propósitos específicos.

Fontes Display: as fontes display são diferentes de todas as opções e padrões citados até agora. Trata-se mais de um símbolo do que propriamente uma letra. Em suas particularidades, trazem características comemorativas, desenhos, objetos e figuras.

Tem seu uso restrito a casos específicos, quando o briefing entrega tal possibilidade. É preciso cuidado na hora de utilizá-la. Dependendo da situação a leitura será, sem dúvida, prejudicada. No entanto, ela pode ser um complemento ou destaque para o seu material gráfico, se bem utilizada.

Agora que sabemos os objetivos de cada família tipográfica, devemos trabalhar o conceito e personalidade da fonte de acordo com objetivo do projeto. Saber escolher a melhor fonte para cada situação é um processo de aprendizado, que requer bastante cuidado e prática.

Gostou de conhecer sobre os tipos de fontes para o projeto de produção gráfica? Se inscreva, acompanhe nosso blog e fique por dentro de conteúdos como esse. 

Quer imprimir com a Rona? Nosso time de consultores está pronto para entender o que você precisa e contribuir para tornar seu projeto realidade. Clique aqui e entre em contato agora mesmo.

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on google
Share on pinterest
Share on whatsapp
Share on email

FALE CONOSCO: (31) 3303-9999 • RONA@RONAEDITORA.COM.BR

RUA HENRIQUETO CARDINALE, 280 OLHOS D'ÁGUA
BELO HORIZONTE - MINAS GERAIS 30390-082

×

Carrinho